quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Escrevem de tal modo que...

Dia chuvoso, papo pro ar, começo a percorrer os canais da Net em busca de algo interessante para ver. No Telecine Premium (que, como todas as emissoras pagas deviam fazer, oferece opções para todos os gostos: legenda, som original e dublagem), encontro um filme com belas imagens, intitulado "Coração de pescador", e desisto ao ler o início da sinopse:

"A história de um jovem de 20 anos que vai viver em uma cabana de tal modo a não fazer nada além de pescar."

O que esse "tal" está fazendo na frase, não me perguntem. E, mesmo sem o inapropriado trambolho, uma sinopse dessas não atrai o espectador.

4 comentários:

  1. Posso dizer que aconteceu o mesmo comigo, porém a historia do filme é bela, não sei se chegastes a ver o filme, mas aconselho não ligue para a sinopse apenas tente compreender a mensagem que o filme passa.

    ResponderExcluir
  2. Verdade, também não me interessei a princípio pelo filme, embora é verdade não tenha percebido o "trambolho", contudo, o filme é lindo e instigante e... Surpreendentemente indutor de reflexões filosóficas. Para além da pescaria, que eu também adoro, trata-se de uma jornada de auto conhecimento.
    Despreze a sinopse. O filme é ótimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Farei isso quando reprisarem. Obrigada pela dica.

      Excluir